Monitoramento ambiental está estudando fauna de Itatiba

Monitoramento ambiental está estudando fauna de Itatiba
fevereiro 21 09:57 2022 Imprimir este Artigo

Divulgação/PMI

A fauna de Itatiba passou a contar com atenção especial neste ano, depois que a Prefeitura de Itatiba, via Secretaria de Meio Ambiente e Agricultura, fez a aquisição de duas câmeras para monitorar os animais em seu habitat natural, tanto no período diurno como durante as noites.

As duas câmeras são da marca Buschnell e contam com lentes infravermelhas e sensores de movimento, capazes de captar movimentos, sem interferir na rotina dos bichos. Para isso, os equipamentos ficam camuflados, são colocados em pontos estratégicos e contam com cartões de memória capazes de armazenar 14 horas de imagens, entre filmes e fotos. A novidade é operada por técnicos da Secretaria, de acordo com a legislação ambiental vigente.

“Essa ação permite ao município compreender quais são os animais que vivem nos trechos florestais e qual seu modo de vida, permitindo pensar em estratégias de conservação efetivas da nossa fauna e também da nossa flora”, explica o secretário do Meio Ambiente e Agricultura, Gustavo Cosenza de Almeida Franco.

Antes da aquisição das câmeras, esse serviço de monitoramento era somente contratado de forma pontual, antes da realização de alguma obra em determinada área, por meio de empresas especializadas neste serviço. A aquisição das câmeras, portanto, deve significar inclusive uma economia para os cofres municipais.

A primeira utilização dos novos equipamentos ocorreu nas obras da foz do Ribeirão Jacaré, em diferentes pontos de mata, próximos ao Bairro da Ponte. Entre os animais já filmados, estão aves, cachorros-do-mato e gambás. A intenção agora é expandir essa atuação de monitoramento para as outras áreas verdes do município, ajudando a compreender mais dos hábitos de animais selvagens que vivem no território itatibense.

“A biodiversidade de Itatiba estudada mais profundamente pelo poder público é algo inédito, isso ao longo dos anos configurou uma lacuna quando tentamos traçar estratégias para garantir a manutenção da nossa fauna e flora. Com essa aquisição, conseguiremos criar políticas públicas de proteção do Meio Ambiente, guiando Itatiba no crescimento sustentável e ambientalmente correto”, conclui o secretário municipal.

  Categories:
Ver Mais Artigos

Sobre o Autor do artigo

Redação Diarioi
Redação Diarioi

Ver Mais Artigos