Natação tem estreia em Lima, Time Brasil conquista dez medalhas, sendo quatro de ouro

Natação tem estreia em Lima, Time Brasil conquista dez medalhas, sendo quatro de ouro
agosto 07 16:18 2019 Imprimir este Artigo

A terça-feira, dia 6, ficou marcada não apenas pela estreia das disputas da natação e do atletismo nos Jogos Pan-americanos Lima 2019, mas também pelas dez medalhas, quatro delas de ouro, conquistadas pelo Time Brasil na competição. O dia começou com as medalhas do atletismo, na dobradinha do lançamento do disco feminino, e depois nos 5000m masculinos.

Logo depois, foi a vez da chuva de medalhas na natação. Conquistamos três de ouro, com  João Gomes Júnior (100m peito), Leo de Deus (200m borboleta) e o revezamento 4x100m livre masculino. Tivemos ainda duas pratas, com Fernando Scheffer (400m livre) e o revezamento 4x100m livre feminino, e uma medalha de bronze com Luiz Altamir Melo (400m livre).

Para fechar as medalhas do dia, Hugo Calderano e Gustavo Tsuboi sagraram-se campeões nas duplas masculinas do tênis de mesa.

Mas não foi apenas pelas medalhas que o Time Brasil se destacou nesta terça-feira. No hipismo saltos, a equipe fechou a fase de classificação na vice-liderança e bem próxima da vaga para os Jogos Olímpicos Tóquio 2020. Além disso, na vela estamos liderando em três classes e seguimos na zona de medalhas em nove delas.

ESGRIMA – Nas provas individuais do florete masculino, Heitor Shimbo e Guilherme Toldo avançaram da fase de grupos, mas foram derrotados nas oitavas e ficaram fora da disputa por medalhas. Shimbo venceu o argentino Nicolas Marino por 5 a 1, o mexicano Raul Vaca por 5 a 1 e o colombiano Dimitri Roa por 2 a 1; mas perdeu para o americano Gerek Mainhardt por 5 a 2 e para o canadense Maximilien Van Haaster por 5 a 1. Nas oitavas, caiu para o argentino Augusto Servello por 15 a 7. Já Toldo, na fase de grupos, passou por Diego Cervantes López, do México, por 5 a 2; Sebastian Flores, de Porto Rico, por 5 a 1; e Márcio Gutierrez, do Peru, por 5 a 1; mas foi derrotado por Daniel Sconzo, da Colômbia, por 5 a 1; e por Eli Schenkel, do Canadá, por 5 a 2. Nas oitavas, num confronto muito equilibrado, acabou sendo superado pelo chileno Gustavo Sirriya por 15 a 12, que acabou com a medalha de prata.

POLO AQUÁTICO – A seleção feminina de polo venceu Porto Rico por 12 a 9 e avançou às quartas de final em Lima. Na quinta, dia 8, o Brasil encara o México por uma vaga nas semifinais. Entre os homens, mais uma vitória também. O Brasil derrotou a Argentina por 12 a 7 e nas quartas de final vai enfrentar Porto Rico.

REMO – No Skiff Duplo, o Brasil conseguiu a vaga na Final A, com Uncas Batista e Luca Verthein, no masculino, e também avançou à final no feminino, com Yanka Vieira e Luana Azevedo. No 4 sem, o Brasil se classificou em primeiro para a final, com o tempo de 6m07s96.

Fonte: Comitê Olímpico Brasileiro
  Article "tagged" as:
  Categories:
Ver Mais Artigos

Sobre o Autor do artigo

Redação Diarioi
Redação Diarioi

Ver Mais Artigos