Cerca de 667 mil veículos devem passar pelo Corredor Dom Pedro durante o feriado de Corpus Christi

Cerca de 667 mil veículos devem passar pelo Corredor Dom Pedro durante o feriado de Corpus Christi
junho 14 12:17 2017 Imprimir este Artigo

A Rota das Bandeiras, concessionária responsável pela administração do Corredor Dom Pedro, espera a passagem de 667 mil veículos nas rodovias que formam o sistema durante a Operação Especial de Corpus Christi, que será realizada entre quarta-feira (14) e domingo (18). A previsão é ligeiramente superior ao movimento registrado no feriado do ano passado, quando circularam pelas rodovias 660.515 motoristas.

A expectativa da Concessionária é de que o trânsito na saída para o feriado seja intenso a partir das 17h de quarta-feira, com o horário de pico se estendendo até as 21h. Para garantir a boa fluidez nas rodovias, as obras que causam interdições de faixas serão suspensas na quarta-feira, a partir das 12h. Somente neste dia, são aguardados em todo o Corredor Dom Pedro aproximadamente 168 mil veículos. A manhã de quinta-feira também tem previsão de trânsito intenso. O maior volume no retorno do feriado deverá se concentrar na faixa das 14h às 20h de domingo, dia 18.

A Concessionária irá aproveitar a sexta e o sábado, dias de menor volume de tráfego, para dar sequência às obras de melhoria no trecho urbano da D. Pedro I (SP-065), em Campinas.
Movimento em cada rodovia

O maior volume previsto durante o feriado será na D. Pedro I (SP-065), utilizada pelos motoristas da Região Metropolitana de Campinas (RMC) quem seguem em direção a Campos do Jordão, destino bastante procurado nesta época do ano. Pela rodovia, são esperados 437 mil veículos.

Na Prof. Zeferino Vaz (SP-332), que liga Campinas ao distrito de Martinho Prado, em Mogi Guaçu, devem circular 114 mil motoristas. Entre as cidades de Jundiaí e Itatiba, 92 mil veículos são esperados na Eng. Constâncio Cintra (SP-360). Por fim, 22 mil veículos devem passar pela Romildo Prado (SP-063), entre Itatiba e Louveira.

Sete viaturas da Concessionária farão a inspeção ininterrupta do Corredor Dom Pedro, percorrendo 24 horas os 297 km de rodovias que formam o sistema. Toda movimentação contará com o monitoramento de 88 câmeras do Centro de Controle Operacional (CCO) da Rota das Bandeiras.

Os motoristas terão à disposição sete guinchos leves, quatro guinchos pesados e setes unidades de resgate, sendo uma UTI, para socorros médicos e mecânicos. Os veículos ficarão posicionados em pontos estratégicos para garantir a agilidade nos atendimentos.

 

Divulgação

  Categories:
Ver Mais Artigos

Sobre o Autor do artigo

Redação Diarioi
Redação Diarioi

Ver Mais Artigos